0
Acções
Pinterest Whatsapp

Todos nós desejamos manter nossos carros como novos. Mas, com o tempo, inevitavelmente acabamos em acidentes menores que deixam uma pequena área de tinta rachada em nosso veículo, o que também é conhecido como amassado. 

Quando se trata de consertar tinta lascada, várias empresas de cuidados automotivos podem cobrar uma grande quantia em dinheiro. 

No entanto, você pode se livrar dessa mossa rapidamente sem gastar muito dinheiro se usar algumas formas que não são apenas simples, mas também econômicas. 

Melhor método para consertar tinta lascada em um carro

Para começar a discutir as várias maneiras de reparar cavacos, é necessário primeiro discutir os dois procedimentos fundamentais que devem ser seguidos para todo tipo de defeito de pintura.

Etapa 1 - Determinando a condição do chip

Lascas na pintura de seu veículo podem ser categorizadas em três tipos diferentes:

  • Pequena- Os chips pequenos não ocupam muito espaço e podem ser consertados com muita facilidade.
  • Médio . Os chips médios são maiores e precisam de alguns esforços para serem consertados.
  • Grande-  Lascas grandes incluem lascas em sua pintura que são maiores e são um pouco difíceis de consertar em comparação com lascas pequenas e médias. 

Etapa 2 - Limpeza da área ao redor do chip

É essencial que você limpe adequadamente a superfície antes de iniciar qualquer pintura. Pintar sobre imperfeições como sujeira pode prejudicar a aparência final do produto e fazer com que ele deslize, expondo o chip novamente. 

Usando água e sabão quente, lave a área afetada do veículo antes de enxaguar bem e seque-o completamente a seguir.

Método 1: retocando pequenos chips

Etapa 3 - Usando uma caneta de tinta de retoque para preencher a área

Ao contrário de outros amassados que podem ser removidos freqüentemente com lixamento ou lixamento úmido, a tinta lascada precisará da aplicação de tinta nova no metal.  

Eventualmente, se o metal for exposto ao ambiente externo por um longo período de tempo, ele oxidará e enferrujará. É possível evitar a ferrugem usando tinta automotiva para retoques, e com a vasta gama de escolhas disponível, é aconselhável selecionar aquele que se adapta perfeitamente ao seu veículo. 

Como usar a caneta Touchup?

Depois que a área secar completamente, remova a tampa da caneta de tinta e coloque a ponta da caneta no centro do chip. De acordo com o tipo de caneta que você está usando, pode ser necessário pressioná-la um pouco para que a tinta saia. Use apenas a quantidade necessária de tinta para encher levemente a lasca.

Etapa 4 - Permitindo que a tinta seque, lave e encere o carro depois 

Antes de limpar o carro, certifique-se de que a tinta esteja completamente seca. Raspando ou limpando muito rapidamente, você pode danificar a tinta nova. Dependendo do tipo e quantidade de caneta de tinta usada, bem como das circunstâncias ao redor, o tempo de secagem pode variar de uma hora a um dia. 

Coisas a ter em mente

  • Antes de pintar o veículo, certifique-se de que esteja totalmente seco.
  • Evite aplicar tanta tinta na tela que comece a pingar. A cor da tinta será consistente, mas pequenos detalhes como gotas aparecerão.
  • Se você inadvertidamente aplicar muita tinta, remova-a o mais rápido possível limpando-a com um pano limpo.
  • Para verificar se a tinta está seca, pressione suavemente o dedo contra ela. Se ainda parecer pegajoso depois de alguns minutos, não está completamente seco.

Método 2: pintura de chips de tamanho médio

Etapa 3 - Remoção de óleo e graxa usando álcool

Usando um pano, sature a área lascada com álcool isopropílico, redutor de esmalte ou prepsol até que a área esteja limpa e seca. Isso eliminará qualquer material gorduroso que possa ter se acumulado na região, tornando mais fácil para o primer formar uma conexão firme com o metal.

A presença de óleo ou graxa provavelmente será invisível, mas é essencial eliminá-la antes de começar a pintar. 

Etapa 4- Preparando o metal

Processo de aplicação do Primer: Aplique o primer no metal limpo e seco usando o pincel de aplicação. Certifique-se de não deixar o priming entrar em contato com a tinta ao redor do chip. Use o primer apenas o suficiente para cobrir totalmente a área não pintada com uma camada fina, porém sólida. Deixe o primer secar completamente antes de prosseguir para a próxima etapa.

Onde comprar? 

O priming automotivo pode ser comprado em sua loja de autopeças local, bem como em muitas lojas importantes, como Walmart e Target. Em contraste com a caneta de tinta que será usada para lascas minúsculas, o primer chegará em um pequeno recipiente com um pincel.

Etapa 5 - Use um pincel para aplicar a tinta 

A tinta de retoque, aplicada com um pincel aplicador em vez de uma caneta, é necessária para chips médios e grandes. Embora a tinta em si seja a mesma, o método pelo qual é aplicada difere um pouco.

Agite bem a tinta de retoque antes de mergulhar o pincel. Basta mergulhar o bico do pincel aplicador nele para evitar vazamentos. Pincele a tinta no chip com o pincel aplicador e mova-o levemente para permitir que ele cole e expanda o metal.

O Dabbing Brush auxilia na adesão e expansão da tinta no metal. Em vez de esfregar a tinta no automóvel, mergulhe o pincel aplicador na tinta novamente e toque-o na tinta no mesmo local, permitindo que a tinta escorra e se fixe no veículo.

Etapa 6 - Encerar e lavar o veículo

Embora apenas uma pequena parte do carro tenha sido pintada e encerada, é essencial encerar e lavar todo o veículo para garantir que o brilho da pintura seja consistente.

Coisas a ter em mente

  • Podem ser necessárias várias pinceladas para cobrir completamente o chip, mas fazê-lo da maneira correta, conforme descrito acima, permitirá que a tinta assente uniformemente. 
  • É importante permanecer paciente durante este procedimento para produzir o melhor resultado final possível.
  • Você pode reaplicar a tinta se achar necessário. Mas certifique-se de não abusar disso. 

Método 3: consertando grandes lascas de tinta 

Etapa 3- Remover lascas ou detritos 

Os chips maiores são mais propensos a acumular resíduos, que devem ser limpos antes de prosseguir para a próxima etapa. Remova todos os grãos grandes que você vir com os dedos ou ferramenta de depenar e, em seguida, sopre na área ou use ar engarrafado para limpar qualquer lodo acumulado.

As peças grandes têm a capacidade de lascar a tinta que as rodeia. Remova qualquer tinta descascada porque ela não está mais presa ao metal e acabará caindo sozinha, levando a nova tinta de retoque com ela. Você pode remover a pele escamosa com os dedos, um palito ou uma pinça.

Etapa 4 - Livre-se da ferrugem 

A ferrugem deve ser removida das superfícies de metal passando um cotonete com CLR sobre a área lascada. Se a ferrugem penetrou longe o suficiente para produzir um orifício na porta ou se o metal foi perfurado, é provável que a ferrugem tenha causado danos a um componente do corpo. Não é possível reparar esses danos simplesmente pintando sobre ele.

Etapa 5 - Lixar as bordas dos cavacos

Uma lixa fina deve ser usada para alisar as bordas da tinta ao redor do cavaco, a fim de reduzir a visibilidade da área afetada. No entanto, mesmo que a restauração de um grande chip seja aparente, suavizar as bordas da tinta antiga pode ajudar na capacidade da tinta de se misturar de maneira mais eficaz com a nova.

Etapa 6 - Aplicar primer 

Depois que o chip for lixado, limpo e seco, aplique o primer no chip.

Etapa 7 - Lixe umedecido na área preparada

Após a secagem, o primer pode parecer granulado devido às cerdas no pincel ou à forma como o primer se instala na superfície do metal. Ative a mangueira e coloque-a imediatamente sobre o cavaco para que a água escorra direto sobre o primer seco. Lixe o primer com lixa de grão 2.000 depois de ativado. Para aplainar totalmente o primer, lixe-o até que esteja absolutamente plano e liso.

Passo 8 - Aplicação da tinta na área preparada

Aplique a tinta de retoque na área preparada com um pincel. Mergulhe o pincel aplicador na tinta e tente colocar a tinta no centro do chip. Dependendo do tipo de tinta do carro que você escolher, pode ser necessário aplicar mais de uma camada para pintar a área lascada.

Passo 9- Lixe molhado a área pintada após secar

Uma vez que a tinta fresca esteja completamente seca, é necessário repetir o processo de lixamento úmido para remover qualquer textura e tornar a tinta completamente lisa.

Etapa 10- Aplicar camada transparente

Uma camada transparente deve ser aplicada à superfície recém-pintada. Isso não apenas preservará a tinta, mas também dará a ela um brilho brilhante, o que permitirá que ela se misture ainda mais perfeitamente com a tinta ao redor.

Etapa 11 - Lave e encere todo o carro

Depois que a área afetada estiver completamente seca, lave completamente e encere todo o carro para garantir que a cera seja distribuída uniformemente por todo o veículo. As ceras ajudarão na integração de áreas recém-pintadas com a tinta adjacente, permitindo que a restauração seja ainda mais difícil de localizar.

Resumo

A pintura do seu carro oferece ao seu carro muito mais do que uma boa aparência. Ele também atua como um componente vital na proteção da carroceria do carro contra a ferrugem e outros fatores ambientais. E, como qualquer outro componente, ele também funciona como um escudo para proteger seu carro contra danos de uma série de causas, incluindo lavagens de veículos, respingos de insetos, etc. 

Como resultado, é fundamental que os proprietários de automóveis consertem a pintura lascada o mais rápido possível para evitar mais danos ao veículo.

Postagem anterior

Melhores produtos de limpeza de interiores para automóveis - Confira esta excelente lista

Próximo post

Esta é a história mais recente.